Política

João Azevêdo inicia ‘pente fino’ no governo e fonte adianta: “o Diário Oficial deve dizer muito do que virá pela frente”

10 de setembro de 2019

O governador João Azevêdo deve iniciar um ‘pente fino’ na administração estadual nos próximos dias, após a direção nacional do PSB entregar o comando do partido na Paraíba ao ex-governador Ricardo Coutinho. Auxiliares da mais irrestrita confiança do governador foram escalados e deflagraram um amplo mapeamento de cargos e funções da gestão estadual, e o objetivo é ‘limpar’ nomes, figuras e quadros alinhados ao ex-governador paraibano.

Uma avaliação feita ainda no inicio da ‘guerra fria’ entre os dois líderes socialistas dava conta que o atual governo estaria com ‘freio de mão puxado’, sobretudo pelo pouco ou nenhum compromisso de figuras bastante ligadas ao ex-governador Ricardo Coutinho. “Pessoas sem nenhum compromisso com João, indo e levando informações do governo para o ex-governador, muitas, inclusive, tentando sabotar a gestão, fazendo cara de paisagem e corpo mole”, revelou uma fonte do governo ouvida pelo Tá na Área.

A fonte adiantou que um novo governo será formado a partir de agora, com a saída de muitos ocupantes de cargos de confiança e de destaque da administração. “O Diário Oficial deve dizer muito do que virá pela frente”, confidenciou ao acrescentar: “o governador está consciente da situação e já começou a agir, porque só fica no governo quem tiver compromisso e identidade com João Azevêdo”.