Política

Câmara aprova orçamento, apesar de tentativa de obstrução da oposição

27 de dezembro de 2017

Apesar do esforço da bancada oposicionista, que buscou inspiração na mesma tática de obstrução da tramitação da reforma trabalhista no Congresso Nacional liderada na época pela senadora Gleisi Hoffmann (PT),  ré em processo de corrupção pela operação Lava Jato,  e desde as primeiras horas ocupou a mesa da Câmara Municipal de João Pessoa para obstacular as votações do dia, a bancada  de apoio ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD) aprovou na tarde desta quarta-feira (27) a Lei Orçamentária Anual relativa ao ano de 2018.

A sessão, convocada de forma extraordinária, foi realizada no anexo da Câmara. Ao todo, 16 parlamentares votaram pela aprovação do projeto. Nenhum parlamentar da bancada de oposição esteve presente na votação.

Desde a semana passada, a Câmara estava no impasse da votação do orçamento, devido a questionamentos dos opositores. Agora, com a Lei aprovada, os parlamentares irão entrar em recesso de final de ano.

 

O presidente da Casa, Marcos Vinícius disse que a Casa cumpriu seu papel na sessão de hoje. “Tivemos que convocar outra sessão para hoje à tarde, todos os vereadores foram devidamente notificados. O importante é que votamos a LOA, não podemos de maneira alguma o município, a administração precisa se organizar e acho que a Casa cumpriu o seu papel hoje. Amanhã vamos esgotar o resto de todos os projetos que ainda temos na Casa, e amanhã damos o recesso”, disse.

A oposição chegou a ocupar o plenário para impedir a votação do texto. “A oposição está no papel dela, assim como a bancada do governo. Mas a Mesa também tem responsabilidade. Há divergências, mas nada que amanhã estejamos todos juntos novamente”, declarou o presidente.

Um dos pontos de discórdia entre as bancadas era uma emenda do vereador de Léo Bezerra (PSB), que visava diminuir o remanejamento de recursos de 10 para 7%. Emenda foi votada separadamente e rejeitada pelo plenário. A partir desta quinta-feira (28), a CMJP entra em recesso.