Política

Alvos da Calvário, secretários de Turismo e Educação são exonerados do Governo

10 de outubro de 2019

Em meio aos desdobramentos de mais uma fase da Operação Calvário, o secretário Ivan Burity, do Turismo, preso ontem, foi exonerado, a pedido, pelo governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB). A exoneração foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (10). Além do secretário executivo de turismo, Aléssio Trindade, secretário de educação, também alvo de mandado de busca e apreensão,  foi exonerado nesta quinta. A operação investiga desvios de recurso públicos da saúde.

O objetivo da quinta fase da “Calvário” foi cumprir 28 mandados, sendo três de prisão preventiva e 25 de busca e apreensão, em cinco estados. O diretor administrativo do Hospital Geral de Mamanguape (HGM), Eduardo Simões Coutinho, também foi preso por volta das 7h30.

Conforme publicação no Diário Oficial do Estado, Gilson Andrade Lira passa a ocupar o cargo de secretário executivo de turismo da Paraíba. Para o cargo de secretário de Educação e da Ciência e Tecnologia o governo nomeou Cláudio Benedito Silva Furtado.

As exonerações estão na edição do Diário Oficial do Estado.