Paraíba

Saúde do Servidor: Maternidade Frei Damião lança projeto Cuidando de Quem Cuida

10 de setembro de 2019

A maternidade Frei Damião, que integra a rede hospitalar do Estado lançou na manhã desta terça-feira (10)  um projeto voltado para a humanização, valorização  e respeito para com  o servidor.  Ao apresentar o ” Cuidando de Quem Cuida” a diretora administrativa da maternidade Frei Damião, Rosângela Guimarães explicou que a qualidade de vida no trabalho é foco de discussão em nível mundial, ” e nós enquanto gestoras não poderíamos deixar de promover ações neste sentido”, completou.

Ainda como parte da programação de lançamento do Projeto ‘Cuidando de Quem Cuida” na tarde desta terça-feira foram realizadas atividades de cuidado à saúde do trabalhador; aferição de pressão arterial e glicemia, dinâmica motivacional e exercícios laborais.

A diretora administrativa explicou que o projeto tem como missão atender as necessidades do corpo de servidores da Frei Damião no contexto da qualidade de vida no trabalho com atuação direta das equipes de saúde, participando ativamente da melhoria da vida dessas pessoas, caracterizando o papel social e humanizado destes profissionais frente à categoria trabalhadora.

Rosângela Guimarães afirmou que durante a execução do “Cuidando de Quem Cuida”  será desenvolvido  um programa de promoção à saúde do trabalhador, com vistas a valorização da qualidade de vida no trabalho, de modo que todos os servidores tenham acesso aos cuidados relacionados ao desempenho, das suas funções laborais com dignidade.

Para a diretora geral da maternidade Frei Damião Selda Gomes, a preocupação com a saúde do trabalhador tem que se tornar rotina na unidade de saúde.  ” São essas pessoas que estão na rotina diária desenvolvendo as suas atividades  e sempre preocupados em atender da melhor maneira possível os nossos pacientes e por isso merecem todo o nosso respeito e atenção”, enfatizou Selda Gomes.

O  Projeto consta de várias ações dentre elas: exercícios laborais; dinâmicas motivacionais; exames de rotina e complementares; práticas integrativas como acupuntura e outras; avaliação nutricional; ações educativas envolvendo temas como qualidade de vida no trabalho, boas práticas nutricionais, promoção da saúde e prevenção de doenças ocupacionais, dentre outros ”  É uma honra para nós da direção junto com toda equipe de assistência contribuir para o bem dos nossos servidores e sua qualidade de vida, fazendo valer o respeito ao outro, fortalecendo o  cuidar de si, o cuidar do outro   e o cuida de nós.

DADOS –  Rosângela Guimarães, alertou que atualmente no Brasil, de acordo com Associação Médica de Medicina do Trabalho, 30% dos trabalhadores brasileiros estão sofrendo com a síndrome de Burnout (síndrome do esgotamento profissional), e deste percentual, 40% são da área de saúde.