Paraíba

Candidatos ao CFO da Polícia Militar superam primeiro dia de testes físicos

15 de maio de 2019

Mais de 95% dos candidatos que disputam as 30 vagas oferecidas no Curso de Formação de Oficiais (CFO) da Polícia Militar foram aprovados no primeiro dia de testes físicos, realizados na Vila Olímpica Parahyba (antigo Dede), em João Pessoa. Dos 61 concorrentes, apenas dois do sexo masculino foram eliminados por não conseguiram executar o exercício de flexão na barra fixa, que teve duas tentativas.

Foram realizadas, neste primeiro dia, provas de flexões de braços na barra fixa para homens; suspensão na barra fixa para mulheres; abdominal e corrida de 100 metros, com tempos e número de repetições atendendo as exigências para cada sexo.

Agora, a disputa pelas 25 vagas para homens está entre os 49 candidatos aprovados no primeiro dia. No feminino, que oferece 5 vagas, são 10 concorrentes no páreo.

O segundo dia de provas será realizado nesta quinta-feira (16), a partir das 8h, também na Vila Olímpica Parahyba, com os testes de salto em altura (1,20 metros para homens e 1,00 metros para mulheres) e corrida de fundo, com distâncias variando entre 2.100 e 2.400 metros.

Concorrência – O concurso para o CFO da Polícia Militar registrou 5.589 inscritos para as 30 vagas. A primeira etapa, a intelectual, foi a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com concorrentes chegando a atingir notas superiores aos 800 pontos. Após o Enem, foram chamados 150 candidatos melhores classificados, que foram submetidos ao exame psicotécnico, onde 78 conseguiram avançar no concurso. Em seguida, foram realizados os exames de saúde, que teve 61 aprovados, dos 78 que foram convocados para esta fase.

Após a etapa dos testes de aptidão física, os candidatos aprovados dentro do número de vagas oferecidas, passarão pela avaliação social, que é a última fase do concurso, que tem o objetivo de analisar, por meio de documentos e outras provas, a compatibilidade ou não do comportamento e conduta do candidato para o cargo de Oficial da Polícia Militar do Estado da Paraíba.

O curso tem duração de três anos, mas os cadetes – como são chamados os alunos no curso – já recebem remuneração durante a formação, com valores que superam os 2.500 reais no primeiro ano de curso.

Secom-Pb