Esporte

Grêmio quer € 30 mi para liberar Arthur; janela abre já na 2ª

29 de dezembro de 2017

Foto: Arquivo Pessoal

O ano de 2017 escorre para o fim, com último dia útil nesta sexta-feira. Na próxima segunda, já em 2018, a janela de transferências irá se abrir em muitos países europeus, entre eles a Espanha. Lá está o centro do interesse em um dos principais jogadores jovens do Brasil. Embora não haja uma negociação em curso, o gremista Arthur em breve pode receber o assédio formalizado do Barcelona. O Tricolor, por sua vez, tem um valor estipulado e não abre mão de receber ao menos 30 milhões de euros (R$ 118,5 milhões) pelo volante para liberá-lo.

Os contatos constantes entre o empresário Jorge Machado, responsável pela parte do atleta, com o Barcelona seguem. André Cury, representante do clube catalão no Brasil, também esteve em Porto Alegre para uma conversa informal com o Grêmio. A partir de segunda-feira, com a janela de transferências aberta, a ofensiva deve ser maior, a julgar pelas publicações nos jornais espanhóis – e pela foto vazada de Arthur com a camisa do clube catalão.

Qual percentual o Grêmio tem dos direitos de Arthur?

O Grêmio tem 60% dos direitos econômicos do jogador – ampliou sua porcentagem em uma negociação ainda no começo de 2017. O investidor Celso Rigo tem 20%, e a família do volante, os outros 20%.

Quanto o Grêmio quer receber?

A multa rescisória está estipulada em 50 milhões de euros (R$ 197,5 milhões). Mas o clube gaúcho quer receber ao menos 30 milhões de euros (R$ 118,5 milhões) por sua fatia do atleta – proporcional ao previsto pela multa. O Grêmio não abre mão do valor, mesmo que a parte do jogador tenha que abrir mão de alguma quantia, como foi no caso do volante Walace, ao ser vendido para o Hamburgo, da Alemanha. O investidor Celso Rigo, constante apoio ao clube em negociações, certamente precisa ser contemplado em sua totalidade.

O volante não tem uma preferência, mas o entendimento do estafe e da família é que seu estilo de jogo casa bem com o Barcelona, que tanto o procura. Outros quatro clubes tiveram o interesse no jogador divulgados: Real Madrid, Inter de Milão, Chelsea e Atlético de Madrid. Até o momento, porém, houve apenas um encontro com o representante do Barcelona.

Arthur é uma das promessas do futebol brasileiro e está no radar de Tite (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)

Arthur é uma das promessas do futebol brasileiro e está no radar de Tite (Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio)

Já houve proposta?

O Grêmio afirma que não recebeu nenhuma proposta pelo volante desde o término da temporada. Contudo, o jornal Mundo Deportivo detalhou a fórmula que o Barcelona supostamente pode usar para contratar o jogador. O clube catalão ofereceria 25 milhões de euros (R$ 98,8 milhões) pelo meio-campista do Grêmio, metade do valor da multa rescisória prevista em contrato. Além disso, há a intenção de deixá-lo mais uma temporada em Porto Alegre. Leia mais aqui

Copa do Mundo pesa?

Há um entendimento de que, caso o técnico Tite convoque Arthur para a Copa do Mundo do ano que vem, o fará mesmo que ele tenha trocado de clube. Um possível tempo de adaptação, sem atuar, na Europa e um consequente prejuízo na seleção brasileira não pesam tanto assim.

Quando Arthur se reapresenta?

Ainda em recuperação de lesão sentida na final da Libertadores, Arthur se reapresenta ao Grêmio no dia 8 de janeiro. Nesta data, o meio-campista irá retirar o gesso do tornozelo esquerdo e começará, então, a fazer fisioterapia. Seu retorno está previsto para a segunda quinzena de janeiro – a previsão estipulada pelo Grêmio é de 45 dias afastado dos gramados.