Esporte

Bola Fora

Ex-jogador da base do São Paulo é assassinado com 13 tiros no DF

14 de dezembro de 2017

O volante Paulo Raul Victor Garcez Soares, de 19 anos, foi assassinado com 13 tiros na cidade de Sobradinho, no Distrito Federal, na terça-feira (12). O crime ocorreu enquanto ele esperava para jogar uma “pelada” na cidade. O sepultamento do jogador aconteceu nesta quinta-feira (14).

Paulo Raul defendeu o São Paulo até 2015, antes de se transferir para o Sobradinho Esporte Clube. Ele estava perto de ser promovido aos profissionais.

Segundo informações do jornal “O Dia”, a polícia está investigando o caso e o autor do crime está foragido. Já o “Superesportes DF”, Raul foi morto por ocupantes de um carro Hyundai HB20 branco, na AR 3 de Sobradinho 2..

O clube de Paulo Raul emitiu uma nota sobre o falecimento. Confira abaixo:

É com imenso pesar que informamos que nosso atleta Raul foi vítima da insegurança e violência da nossa sociedade. Tivemos a triste e lamentável notícia que nosso atleta foi assassinado na noite passada em Sobradinho, neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e que Deus dê conforto à sua família para que possam enfrentar esta dor com serenidade.

A dor da perda é imensurável e nada que se possa dizer é capaz de amenizar o sofrimento. O máximo que se pode fazer é oferecer o nosso silêncio de cumplicidade com a dor, dizer algumas palavras de amizade e consolo, e dar o ombro amigo para apoiar o peso da perda.

Notícias ao Minuto