Brasil

Após dizer que “seria questão de tempo o PT retomar o poder”, Zé Dirceu é solto pela justiça

09 de novembro de 2019

O ex-ministro petista José Dirceu, que chegou a profetizar em vídeo que até hoje viraliza nas redes sociais que seria “uma questão de tempo pra gente tomar o poder. Aí nós vamos tomar o poder, que é diferente de ganhar uma eleição”, está de volta às ruas. Ontem, a juíza federal substituta Ana Carolina Bartolamei Ramos, da 1ª Vara de Execuções Penais de Curitiba, ordenou a soltura do ex-ministro.

Condenado a trinta anos, nove meses e dez dias de prisão na Lava Jato pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, José Dirceu estava detido desde maio deste ano após o Tribunal Federal da 4ª Região (TRF-4), o Tribunal da Lava Jato, impôs condenação no processo que envolve o recebimento de propinas de R$ 7 milhões em contrato superfaturado da Petrobrás com a empresa Apolo Tubulares, fornecedora de tubos para a estatal, entre os anos de 2009 e 2012.